Entenda por que o Estado da Bahia quer aderir à Grama Artificial

Bobô quer grama artificial nos estádios da Bahia

Muito tem sido discutido a respeito da implementação da grama artificial nos campos de futebol profissional. Enquanto no resto do mundo o seu uso vem sendo aprovado e progressivamente bem aceito, assim como suas adaptações vêm sendo feitas, pelo Brasil a questão ainda caminha devagar.

O Clube Atlético Paranaense foi o pioneiro, dentre os clubes da Série A, a aderir à grama artificial. E deu tão certo que muitos times do primeiro escalão nacional também passaram a estudar a medida. Desde o início de 2017, o estado da Bahia — região com dois clubes na primeira divisão, Vitória e Bahia — cogita trocar seus gramados naturais pelo artificial.

Pedido Parlamentar pela Grama Artificial

A medida é de autoria do ex-jogador campeão brasileiro pelo Bahia Esporte Clube, em 1988, Bobô. Hoje deputado estadual pelo PCdoB, Bobô requisitou ao governo baiano um estudo de viabilidade para a aplicação da grama artificial nos estádios do interior do estado.

À partir desse pedido, a Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (SUDESB) deve desenvolver tal pesquisa. A iniciativa, segundo Bobô, visa modernizar os estádios interioranos.

Por que a Bahia quer Grama Artificial?

Bobô aponta dois motivos essenciais para pedir a instalação de grama artificial nos estádios baianos. O clima, predominantemente quente e com chuvas concentradas no inverno, e a manutenção.

Com orçamento limitado, as prefeituras e clubes das cidades pequenas da Bahia encontram dificuldades para manter os gramados naturais em bom estado. A manutenção da grama artificial é mais barata e simples do que a grama natural. Em seu pedido, Bobô ressaltou o pioneirismo que a medida proporcionaria ao futebol baiano.

Bobô ainda ressalta que, no sertão e semiárido da Bahia, a seca é responsável por prejuízos que ultrapassam a falta d’água para a população. Isso porque a grama natural exige hidratação constante.

Fale com a Sportlink

A Sportlink é especializada na fabricação, manutenção e consultoria em projetos com grama sintética, sendo reconhecida pelo desempenho e qualidade de sua grama artificial para o segmento esportivo e recreativo.

Referência no mercado, está pronta para atender diversas demandas relacionadas a grama artificial. Entre em contato e solicite um orçamento.

ENTRE-EM-CONTATO-SPORTLINK

Entenda por que o Estado da Bahia quer aderir à Grama Artificial